Paulistão feminino: Após vitória na ida, São Paulo tenta derrubar hegemonia do Corinthians

Por Redação em 08/12/2021 às 10:09:43

Nesta quarta-feira, dia 8, Corinthians e São Paulo disputam o jogo de volta da final do Campeonato Paulista feminino. Ambas as equipes buscam o tricampeonato (São Paulo venceu em 1997/99, e o Corinthians, em 2019/20). O jogo de ida, disputado no último domingo, terminou com vitória das meninas do Morumbi por 1 a 0, gol de Micaelly, no início do segundo tempo. O resultado joga pressão na equipe alvinegra, que tenta uma tríplice coroa inédita no futebol feminino do país. Depois de vencer o Campeonato Brasileiro e a Copa Libertadores, de forma invicta, o Corinthians é o time a ser batido no continente e achou um adversário à altura. A equipe tricolor vem tentando se firmar nas competições após alguns anos de inatividade. O clube retomou o futebol feminino em 2019 e trouxe Cristiane para o plantel. No mesmo ano, subiu para a Série A-1 do Brasileirão (a principal) e alcançou o vice no Paulistão (diante do mesmo Corinthians) e na Copa Paulista.

Nesta temporada, participou do Brasileiro e do Paulistão. Foram 31 jogos, com 22 vitórias, 5 empates e 4 derrotas. Ao todo marcou 74 gols e sofreu 24. No Brasileirão, o São Paulo chegou às quartas de final, mas foi eliminado para o Internacional por 4 a 3 no agregado. Na fase de grupos do Paulista, somou 10 vitórias e 1 derrota, justamente para o grande rival, na segunda rodada. Na semifinal, o Tricolor jogou contra o Santos e venceu no agregado por 5 a 0. Agora, a decisão repete a de 2019, mas desta vez o São Paulo espera sair campeão da Neo Química Arena, no duelo das 21h (horário de Brasília), que teve todos os ingressos à disposição reservados pela Fiel. Quarenta mil torcedores empurrarão o Timão rumo a mais um caneco. Além disso, do outro lado há uma equipe quase imbatível. O Corinthians tem um projeto mais longo, iniciado em 2016, com uma parceria com o Audax. Dois anos depois, o clube se estruturou individualmente e conquistou duas Libertadores (tem três somando o título conquistado junto com a agremiação de Osasco), três Brasileiros e dois Paulistas.

Na temporada 2021, o Alvinegro disputou 41 jogos até o momento, com 36 vitórias, 3 empates e apenas 2 derrotas. Foram 140 gols marcados e 24 sofridos, além dos títulos nos dois campeonatos que disputou. No Paulista, teve a melhor campanha da primeira fase, com 10 vitórias e um empate. Ficou à frente apenas do próprio São Paulo, que terminou a fase de grupos em segundo lugar. A disputa pela taça terá transmissão do canal SporTV, dos streamings elevensports.com e Paulistão Play, além do canal do YouTube da Federação Paulista de Futebol. Com duas grandes equipes em campo, é difícil cravar qual será o resultado final, mas, seja qual for, quem vence é o futebol feminino.

Fonte: Gazeta

Comunicar erro

Comentários

Sidro Nina Central