IPTU mais asfalto

Polícias Civil e Militar resgatam mulher vítima de agressÔes, na Zona rural de Rochedo

Diante dos fatos, ela solicitou medidas protetivas contra ele.

Por Redação em 20/12/2021 às 15:28:22

As PolĂ­cias Civil e Militar resgataram, na noite do no Ășltimo sĂĄbado, 18/12, uma mulher de 29 anos, que estava sendo agredida por seu convivente em uma fazenda, localizada na zona rural do municĂ­pio de Rochedo-MS. O autor dos fatos fugiu, mas foi identificado e irĂĄ responder por lesĂŁo corporal dolosa e ameaça (violĂȘncia doméstica).

Ao ver a mĂŁe sendo ameaçada e agredida pelo padrasto, o filho da vĂ­tima nĂŁo teve dĂșvidas e acionou a PolĂ­cia Militar, que pediu apoio da PolĂ­cia Civil e juntas, as duas forças policiais foram até a localidade, distante a 40km do centro de Rochedo. Quando a viatura estava se aproximando da fazenda, o autor fugiu para o mato e como estava muito escuro, nĂŁo foi possĂ­vel localizĂĄ-lo.

Além do filho que fez a denĂșncia, a vĂ­tima morava com o agressor e mais trĂȘs filhos. Todos foram resgatados e abrigados na delegacia, onde passaram a noite. No outro dia, ao amanhecer, eles foram encaminhados para a casa de um parente, que lhe darĂŁo suporte no recomeço.

De acordo com a vĂ­tima, na noite das agressĂ”es, seu marido chegou em casa com forte odor etĂ­lico e disse que tinha tomado pinga com os amigos. De repente, em um estado de loucura, ele deu um soco no rosto da mulher e começou a ofendĂȘ-la dizendo que ela era vagabunda e porcaria e que nĂŁo queria seu enteado de 17 anos na casa e que era para ele ir embora.

O autor então começou a amolar um facão e disse que se ela chamasse a polícia, ele a mataria. Foi neste momento que o jovem, em um ato desesperado, pediu socorro para a polícia.

Segundo o informado pela vĂ­tima, esta nĂŁo teria sido a primeira vez que ela foi agredida pelo autor. Diante dos fatos, ela solicitou medidas protetivas contra ele.

Fonte: Policia

Tags:   Geral
Comunicar erro
Lei do Asfalto

ComentĂĄrios

Stilus outro